A vida sexual plena é um indicador do bem-estar

Para prolongar a vida sexual por muito tempo, os sexologistas aconselham levar uma vida ativa, não comer em excesso, não abusar, não se envolver em drogas, fazer sexo regularmente. Não tome medicamentos potentes, se as falhas ainda são encontradas, entre em contato com um especialista. Mantenha sua saúde e seja feliz.

A vida sexual plena é um indicador do bem-estar físico e um sinal de um estilo de vida saudável e satisfatório.

Como prevenir a disfunção erétil

Desista de maus hábitos

Primeiro, pare de fumar. Não é má ajuda neste serão aplicações especiais . Em segundo lugar, moderar o consumo de álcool ou até mesmo desistir de álcool. Para ajudar – essas coisas . Claro, as drogas também devem ser abandonadas. Se você não puder fazer isso sozinho, procure assistência qualificada.

Observe o peso

E se você não seguiu, jogue fora. Esses artigos ajudarão .

Vá para a dieta mediterrânea.

Como os problemas de ereção são frequentemente associados a doenças cardíacas, consulte uma dieta saudável. Evite alimentos fritos, carne vermelha e laticínios gordurosos que aumentem o risco de doenças cardiovasculares.

Pratique esportes

A atividade física é boa para o sistema cardiovascular, para combater o excesso de peso e para aliviar o estresse. Então você mata três pássaros com uma pedra.

Ao mesmo tempo, para manter a saúde sexual não requer exercícios exaustivos. Mesmo uma caminhada diária de 30 minutos é suficiente para reduzir o risco de disfunção erétil. Benefícios para a próstata e disfunção erétil ajudam. Acesse para saber mais em Viggmaxx.

Acompanhe os seus níveis de testosterona.

Ele gradualmente cai a partir dos 30 anos – a partir deste ponto, e é necessário começar o teste. Se acontecer de você ter um baixo nível de testosterona, seu médico ajudará a resolver o problema.

Para voltar à atividade sexual plena, a abordagem da questão: como tratar a impotência deve ser complexa, pois a divisão das causas da disfunção erétil em dois grupos – psicológicos e orgânicos – é bastante arbitrária. O fato é que, na prática, na maioria das vezes há casos em que a violação das funções sexuais ocorre sob a influência simultânea de vários fatores. Portanto, o tratamento da impotência (tratamento da potência nos homens) tomando pílulas para a ereção é complementado por uma série de procedimentos médicos:

tomando hormônios masculinos
injeção vasodilatadora peniana;
cirurgia, como resultado do qual o fluxo venoso do pênis é limitado.